João Amorim e uma série de outros vídeos de merda

Enquanto o curta Obrigado a Matar, de João Amorim, ganha notoriedade no Youtube com sua concepção cinematográfica débil mental, vamos lembrar de outros vídeos que sobrevivem na internet graças a sua completa ausência de qualidade a ao fascínio natural e humano por coisas que se opõem diametricalmente do conceito de sublime, mas que quase alcançam esse mesmo status como a cobra que engole o próprio rabo?

Delfin Quishpe – Las Torres Gemelas

A homenagem de mau gosto às vítimas do 11 de setembro que transformou Delfin Quishpe em uma celebridade no Equador e um expoente do Tecno Folclore, gênero musical típico da América Latina. Impressionado com as palavras “Equador” e “Tecno Folclore”? Nem eu!

O Mensageiro de Arben

“Ela sumiu literalmente” é a melhor fala de todos os tempos.

Tecnologia de outro mundo – Alphagraphics

Um pequeno vídeo que explica as vantagens de utilizar o serviços Alphagraphics de fotocopiagem, com um twist no final que transforma LOST num balneário da obviedade.

Impossible is Nothing

Impossible is nothing é um vídeo currículo feito por um estudante de Yale chamado Aleksey Garber e que por um breve momento na história da internet foi um grande sucesso de público e crítica, até que Aleksey ameaçou processar o Youtube pela divulgação não autorizada, tornando o seu acesso mais difícil, porém não impossível. Cliquem aqui para ver o vídeo.

I Wanna love you tender

Suecos: ótimos para manterem alta a taxa nacional de suicídio, péssimos para todo o resto.

Anúncios

6 Responses to João Amorim e uma série de outros vídeos de merda

  1. Jasmin disse:

    “ái”

  2. Arthur disse:

    Ver o mensageiro de arben mudou minha vida num cinema no rio de janeiro. Depois daquele dia percebi que travaria uma eterna luta – um pouco como a do filme – com o gênio de Fulvio Maia. Aguardo com vontade e bauduquice seu próximo épico.

  3. Fernanda disse:

    Fui zoar um sueco e descobri q o clipe na verdade é finlandês. Não q faça mta diferença pra gente…

  4. JuK disse:

    Delfin Quishpe é tipo a pessoa com o pior senso de timing no universo:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: