O Horrô! O Horrô! (ou Chega dessas notícias terríveis, porra!)

10/12/2009

Ontem foi ele

Semana passada se foram o inesquecível Lombardi e a inestimável Leila Lopes.

Ontem foi a vez do inigualável Luiz Carlos Alborghetti, o Alborghetti, apresentador de rádio e TV, inventor do filão apresentador policial malvado, dono do cacete biônico e da frase “bandido bom é bandido morto”.

Como se não bastasse, hoje morreu o MC Pelé, gênio por trás dos hits “Periguete” e “Namorar Pelado”.

É o maior desastre do mundo artístico desde a morte de Bergman e Antonioni no mesmo dia. Continue lendo »

Anúncios

Woody Allen: Do Céu ao Inferno

21/11/2009

Se tem um cineasta que conseguiu fazer filmes em todo o espectro de cotações de qualidade, esse cara foi Woody Allen. Se as cotações fossem de zero a onze estrelas, talvez ele também conseguisse preeencher todas as gradações.

São 40 filmes em 43 anos de carreira. Obviamente, muita bosta. Mas também  filmes regulares, bons, ótimos e por aí vai até obras-primas.

Aproveitando o início da mostra “A Elegância de Woody Allen” no CCBB, eis uma lista do Céu e do Inferno de Woody Allen: Continue lendo »