Deixa Ela Entrar

16/10/2009

Não é por acaso que no folheto de divulgação do filme Deixa Ela Entrar consta a frase de efeito (publicitário, lógico) “Se você é fá de Crepúsculo, não deixe de assistir”. Isso porque assim como na blockbuster americano do momento, esta pequena obra sueca funda seus pés na ambientação do jogo melodramático no universo vampiresco. Ou seja, tanto Crepúsculo quanto Deixa Ela Entrar se colocam, a princípio, dentro de duas tradições estabelecidas, a saber, melodrama e vampiros. Continue lendo »