Vinicius Calderoni e os 12 clipes de Tranchã

12/02/2010

É com muito orgulho e lágrimas nos olhos que venho dizer que após anos de árduo trabalho, nosso talentosíssimo amigo Vinicius Calderoni, cantor, cineasta, escritor neste blog, ator e locutor de inúmeros Massarocas e Unidotas, acabou de parir um NENÊ!

E cara, que bebezão gordo e saudável que ele é!

Baita meninão, esse Tranchã!

Continue lendo »

Anúncios

Esse menino vai longe!

09/11/2009

Vinê vamo encher a cara hoje véio kakaka

Galera, notícias fresquinhas!

Nosso amigo e convidado do mês Vinícius Calderoni acabou de ganhar 3 prêmios no festival de música Botucanto, em Botucatu: 2º lugar e melhor letra por Faça desse drama (parceria com Tó Brandileone, Leo Bianchini e Caê Rolfsen) e 5º lugar por Mesmo quando a boca cala.

Eu tenho muito orgulho desse menino, viu, lembro daquele dia que eu chamei ele pra tocar num sarau lá em Osasco… ele chegou com seu violãozinho, tocou Das bocas, o pessoal ficou super emocionado e as minas então, heheheh lololrofl!

Abraço Federal!


Convidado do mês: Vinícius Calderoni

23/10/2009
Praticamente um Tony Bennnnnnot!

Praticamente um Tony Bennnnnnot!

O fim do mês de outubro está chegando, e com ele marcamos o fim dessa participação especialíssima que foi Arthur Warren no nosso blog.

Gostaríamos de avisar nosso amigo Arthur que ele não está sendo expulso do nosso barraquinho, e seu avatar continuará pra sempre na nossa lista de autores. Sempre que ele sentir saudades desse aconchegante espaço virtual chamado Só Casando, é só vir postar um negócio bem louco!

Porém, com o mês de novembro chegando, fica a pergunta: quem é o próximo convidado? E a resposta, meu amigos, é ninguém menos que Vinícius Calderoni: cantor, compositor, montador, roteirista, diretor, ator, locutor, e tudo mais que você quiser que ele seja.

Nófa.

Conheci o Vini no show de lançamento do seu CD Tranchã, o Suza e a Jasmin me levaram no camarim e o cara me abraçou e disse: “Você que é o Ed? Sempre quis te conhecer!”. A partir daí, meu, muita curtição lembra aquele dia que a gente foi num american bar e você passou mó mal, Vini?

Foi da hora.